Como calcular o volume de entulho gerado na demolição de uma parede de alvenaria

Saiba como calcular o volume de entulho gerado na demolição de uma parede de alvenaria

 
Antes de contratar os serviços de caçamba é importante saber calcular corretamente a quantidade de entulho que será retirado depois da
demolição. "Ao demolir, pense no que é possível reaproveitar", afirma Mauro Zaidan, diretor da Nova Engenharia, especialista em orçamentos para a construção civil. Ele lembra que, além de portas, janelas e louças, hoje é possível também aproveitar o material de demolição, que pode ser moído e incorporado ao cimento. Isso reduz gastos e diminui o volume de detritos despejados nos locais destinados a receber este
material descartado. "Por lei, o material de demolição deve ficar em aterro separado do lixo comum", finaliza Zaidan.
 

Procurando por Caçambas para Entulho em Sorocaba? Confira:

 
Para calcular a quantidade de entulho gerado em uma demolição, temos de saber que uma parede, ao ser quebrada, aumenta de volume.
Durante a demolição, o material, que antes estava geometricamente organizado e condensado, transforma-se em um amontoado de pedaços
irregulares preenchidos por vazios. "O aumento de volume - que difere de material para material, ou de acordo com a umidade presente - é
chamado de empolamento", explica o engenheiro coordenador de atividades técnicas do Senai Tatuapé, Luiz Roberto Gasparetto.
 
Gasparetto explica que cada material tem seu empolamento específico. Se o desmonte for um solo, ao ser descompactado, este material sofrerá um aumento de cerca de 30%. o chamado coeficiente de empolamento de um solo com pedaços de árvores é um pouco maior:
40%. No caso de uma parede de alvenaria, pode-se adotar um empolamento médio de 50%. Estes valores foram observados na prática
em várias atividades de demolição, e hoje são amplamente usados pelos engenheiros em seus cálculos. O coeficiente de empolamento deve ser acrescentado ao volume do sólido que irá ser desmontado.
 

Procurando por Caçambas para Entulho em Sorocaba? Confira:

Fornecimento da caçamba

Sete recomendações ao contratar o fornecimento da caçamba*

» Certifique-se de que a empresa está cadastrada na prefeitura;
» Confira se os dados de identificação da empresa estão escritos na caçamba;
» A caçamba deve conter o entulho da obra e não pode ser usada como lixeira;
» Quando se coloca li xo comum na caçamba, considera-se que houve contaminação, o que aumenta significativamente o custo para o descarte do material;
» A caçamba não pode ficar em cima da calçada. O correto é deixá-la "estacionada", ocupando uma vaga em local que seja permitido estacionar veículo;
» Como a caçamba ocupa o lugar de um carro ao ficar "estacionada", pode ser cobrada a taxa regulamentar de estacionamento (zona azul);
» O entulho não pode exceder a borda da caçamba;
» A caçamba pode ficar três dias na rua.
 
 
fonte: https://www.passeidireto.com/arquivo/28768954/demolicao-como-calcular-entulho